Data

31 de Outubro e 1 de Novembro de 2019

Local

Auditório CENESP

Palestrantes

23 Profissionais

Sobre o Evento

O aproveitamento energético dos resíduos através do biogás tem sido assunto cada vez mais presente nas diversas esferas da sociedade. Esse interesse crescente é devido, especialmente, ao fato de as vantagens do biogás não se limitarem a geração de energia, mas pelo mesmo auxiliar na redução de emissões, promover a economia circular e fortalecer a segurança energética nacional.

É pelo interesse em consolidar as discussões e fortalecer os agentes públicos e privados envolvidos nesse setor que o Fórum do Biogás já chega em sua 6ª edição. Instituições e empresas de diversos setores relacionados à produção, aproveitamento e beneficiamento do biogás terão, mais uma vez, a oportunidade de se apresentar para um público profissional e fazer contatos. Palestras inovadoras e debates com representantes de entidades públicas e de empresas do setor privado fornecerão insights sobre a indústria e discutirão as oportunidades e os desafios para o biogás no Novo Mercado de Gás.


Não fique de fora do VI Fórum do Biogás!

Participantes Anteriores



Programacão

CREDENCIAMENTO

ABERTURA DO FÓRUM: “O BIOGÁS E O NOVO MERCADO DE GÁS”

PROMOÇÃO DA CONCORRÊNCIA: O BIOGÁS COMO FONTE COMPLEMENTAR DE GÁS

ALMOÇO

APRESENTAÇÃO DO PATROCINADOR

INTEGRAÇÃO COM O SETOR ELÉTRICO: O BIOGÁS COMO FONTE DESPACHÁVEL, DESCENTRALIZADA, DESCARBONIZADA E COMPETITIVA

COFFEE BREAK

O DESENVOLVIMENTO DE BIOGÁS NO MERCADO ENERGÉTICO BRITÂNICO

O BIOGÁS HOJE

FECHAMENTO DO PRIMEIRO DIA

O FUTURO DO BIOGÁS

COFFEE BREAK

CONEXÕES CORPORATIVAS PARA O BIOGÁS - CASE AURORA

O BIOGÁS E SEU PAPEL NA TRANSIÇÃO PARA UMA SOCIEDADE DE BAIXO CARBONO

QUAL O FUTURO DO BIOGÁS NO NOVO MERCADO DE GÁS: POTENCIAL E METAS

ENCERRAMENTO

ALMOÇO

RENOVABIO ITINERANTE

Alessandro Gardemann Presidente, ABiogás, São Paulo,SP, Brasil.

Alessandro Gardemann é formado em Administração de Empresas pela EAESP- FGV, com cinco anos de atuação no mercado financeiro. Em 2008, fundou a Geo Energética e, desde então, tem se dedicado ao Biogás. Foi um dos fundadores da Associação Brasileira do Biogás (ABiogás), onde, atualmente, é o presidente.

Alessandro Sanches Gerente Executivo, Abiogás, São Paulo, SP, Brasil.

Atualmente, Alessandro Sanches é Gerente Executivo da Associação Brasileira do Biogás (ABiogás). Idealizador do Instituto 17, uma organização da sociedade civil brasileira, sem fins lucrativos, para viabilizar a difusão dos objetivos de desenvolvimento sustentável. Ele é Tecnólogo em Saneamento pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Mestre em Gestão e Política Ambiental pela Universidade de Lund, na Suécia, Doutor em Engenharia Civil na área de Saneamento e Ambiente pela Unicamp, e Pós-doutor em Planejamento Energético pela Universidade de São Paulo (USP). Antes de se juntar à ABiogás, trabalhou por quatro anos como pesquisador no Instituto Real de Tecnologia (KTH), na Suécia. Hoje, atua como consultor para United Nations Conference on Trade and Development (UNCTAD) e registrado como avaliador de projetos de pesquisa em bioenergia pela Comissão Européia. Também atua como pesquisador associado ao Grupo de Pesquisa em Bioenergia (GBio) da USP e do Research Centre for Gas Innovation (RCGI), iniciativa da USP, FAPESP e Shell. Além disso, ele é um dos pesquisadores brasileiros que participa da Grupo III sobre mitigação do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) para a elaboração do Sexto Relatório de Avaliação (AR6).

Aurélio Cesar Nogueira Amaral Diretor, ANP - Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

Bacharel em Direito pela Faculdade de Direito de São Bernardo – São Paulo, com MBA em Controladoria na Gestão Pública – USP – São Paulo. Na ANP, foi Assessor de Diretoria, Coordenador Geral do Escritório de São Paulo, Superintendente Adjunto de Fiscalização, Superintendente de Abastecimento, e, desde março de 2016, foi nomeado Diretor.

Bárbara Rubim Coordenadora de Negócios em Geração Distribuída da Raízen e Vice-Presidente do Conselho de Administração da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR) e membro do conselho da Associação Brasileira do Biogás (ABiogás)

Bárbara Rubim é advogada, especialista em regulação do setor elétrico e trabalho no setor de energia há mais de sete anos. Ao longo de sua trajetória, Bárbara já atuou como Assessora Parlamentar na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, esteve à frente da campanha de energia do Greenpeace Brasil e coordenou a área de estratégia e inovação de empresa do Grupo Algar. Em 2015, foi eleita uma das cinco lideranças jovens mais influentes do setor de energias renováveis pelo Banco Real Canadense. Atualmente, coordena o desenvolvimento de negócios em geração distribuída da Raízen e ocupa também a posição de Vice-Presidente do Conselho de Administração da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR) e é membro do conselho da Associação Brasileira do Biogás (ABiogás) e da Comissão de Direito de Infraestrutura da OAB Nacional.

Claudio Steuer Pesquisador Sênior no Oxford Institute for Energy Studies

A linha de pesquisa de Claudio Steuer junto ao Programa de Gás Natural da OIES concentra-se no gás natural dos países da África e da América do Sul, e GNL. Ele é membro do corpo docente da International Human Resources Corporation (IHRDC) de Boston / EUA, instituição líder em capacitação em energia e desenvolvimento de competências e sistemas de garantia. Steuer é o fundador e diretor da SyEnergy, uma consultoria de energia focada em estratégia, planejamento de suprimentos, desenvolvimento de projetos, negociações comerciais, avaliação, solução de controvérsias, conselho da alta administração envolvendo gás natural, GNL, FLNG, terminais de regaseificação (on-shore e offshore) e projetos de geração de energia. Sr. Steuer tem mais de 30 anos de experiência internacional em energia na Shell, ENI, Nigéria GNL, Nova Energia Global Africana, Saipem, Centrica, Estratégias de Gás e consultando clientes que trabalharam e prestaram consultoria em projetos de energia na América do Norte, América do Sul, África, Europa, Ásia Central e Austrália. Claudio palestra em conferências sobre energia focadas em gás upstream, GNL e FLNG, e lecionou em cursos de energia na Universidade Corporativa ENI, Alphatania, CWC School for Energy e IHRDC. Claudio fornece análises e comentários em artigos de publicações como: ICIS Global LNG, Interfax Gas Daily, Bloomberg, Gas Matters e Maritime Executive. O Sr. Steuer é bacharel em Ciência da Computação e Marketing pela Boston College, MBA em Negócios Internacionais pela Babson College e cursos pela Harvard Law School e Lax Sebenius / Harvard Business School, e Institute of Directors (Londres).

Daniel Augusto Rossi Fundador e CEO do Grupo Capitale Energia e CEO da ZEG

Daniel Augusto Rossi, fundador e CEO do Grupo Capitale Energia e CEO da ZEG, empresa do Grupo focada em projetos de geração de energia renovável e geração distribuída. Formado em MBA em marketing pela ESPM e especialização na Escuela de Alta Direction e Administracion (EADA) em Barcelona, iniciou sua vida profissional no mercado financeiro na área comercial de instituições como Banco Real ABN, Safra, Unibanco e Banco Santos. Após 10 anos de experiência no mercado financeiro, direcionou sua carreira para o mercado de energia, trabalhando na EDP, onde ocupou o cargo de Gestor Executivo da área de comercialização até 2010, quando vislumbrou a oportunidade de empreender no Mercado Livre de Energia Elétrica fundando a Capitale Energia.

Danielle Machado Superintendente Adjunta de Biocombustíveis e Qualidade de Produtos, Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP)

Em breve...

Enio Parmeggiani Gerente Regional do Sebrae/SC - Gestor da parceria Sebrae/Aurora

Enio Albérto Parmeggiani, formação na área de administração, Analista e Gerente Regional Oeste do Sebrae/SC, atua na prospecção , construçao e gestão de projetos de desenvolvimento setorial e territorial, com vivências nacionais e internacionais especialmente nas cadeias produtivas do agronegócio e cooperação.

Felipe Bottini Diretor e Sócio Fundador da Green Domus

Sócio Fundador da Green Domus, líder da área de negócios Renovabio. Presidente da Associação Brasileira das Empresas Verificadoras de inventários de emissões e relatórios sócio-ambientais. Formado em Economia pela Universidade de São Paulo, Pós-Graduado em Políticas Ambientais e Desenvolvimento Internacional por Harvard. Mestrando de Sustentabilidade em Harvard.

Fernando Lopes Diretor Executivo e fundador do Instituto Totum

Fernando Giachini Lopes é Diretor Executivo e fundador do Instituto Totum, organismo de certificação acreditado pelo INMETRO desde 2005 em gestão da qualidade, verificação de inventários de gases de efeito estufa e certificação de pessoas. O Instituto Totum também é acreditado em vários outros programas, incluindo o RENOVABIO junto à ANP. No Instituto Totum, Fernando também é responsável pela concepção, desenvolvimento e gerenciamento de vários programas de autorregulação nas áreas de energia, segurança, alimentos e serviços financeiros. Antes do Instituto Totum, Fernando foi responsável por serviços de auditoria e consultoria nas áreas de ISO 9000, ISO 14000, CDM, DJSI, GRI em mais de 150 diferentes organizações. Fernando é Engenheiro e Mestre em Engenharia de Produção pela USP e possui especialização em Gestão da Qualidade pela Universidade do Tennessee e em 2018 foi escolhido como uma das 100 pessoas mais influentes na área de energia.

Flavia Porto Coordenadora de Saneamento e Biogás na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Relações Internacionais do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Formada em oceanografia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e Mestre em práticas em Desenvolvimento Sustentável pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), atua há dez anos na área de energia, inicialmente na indústria de óleo & gás e, mais recentemente, como coordenadora das áreas de saneamento e biogás na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Relações Internacionais (SEDEERI) do Governo do Estado do Rio de Janeiro, onde contribui para a formulação de políticas públicas e no planejamento de ações de incentivo ao aproveitamento do potencial de biogás do Estado para produção de energia elétrica e biometano.

Gabriel Kropsch Vice- Presidente, Abiogás, São Paulo,SP, Brasil.

Gabriel Kropsch é o vice-presidente da ABiogás desde 2013. É formado em Administração de Empresas pela PUC – RJ, obteve seu MBA pela UFRJ e cursou o Programa OPM pela Harvard Business School. Depois de trabalhar na Tramp Oil Brasil e TOBras Distribuidora (Terrana), Gabriel focou na área de bioenergia e gás e no momento atua nas empresas Acesa Bionergia e Aspro Serviços em cargos de diretoria. Além disso, é sócio na NPR Gestão de Recursos.

Gonçalo Pereira Diretor, Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE), Campinas, Brasil.

Professor Titular da UNICAMP, pesquisador 1A do CNPq, Membro da Academia de Ciências de São Paulo e Coordenador do Programa Interinstitucional de Doutorado em Bioenergia. Já formou cerca de 80 mestres e doutores, publicou 150 artigos internacionais, com cerca de 5500 citações e requereu 35 patentes. No setor privado, foi cofundador e Cientista-Chefe da GranBio, a primeira usina 2G do hemisfério sul.

Hugo Santana de Figueirêdo Junior Presidente, Cegás, Fortaleza, Ceará.

Possui graduação em Engenharia de Aeronáutica pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), mestrado em Administração de Empresas - Rensselaer Polytechnic Institute, nos Estados Unidos, e doutorado em Economia de Negócios - Wageningen University, na Holanda. Exerceu o cargo de Secretário do Planejamento e Gestão do Estado do Ceará entre 2015 e 2017. Professor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade Federal do Ceará, atualmente é Presidente da Companhia de Gás do Ceará – Cegás. Tem experiência nas áreas de Administração, Contabilidade e Economia, atuando tanto no setor público quanto privado, principalmente nos seguintes temas: estratégia e controladoria, contabilidade gerencial e análise de custos, desenvolvimento econômico, organização industrial e inovação.

Jorge Rogério Elias Diretor de Engenharia e Implantação na Foxx Participações, São Paulo, SP, Brasil

Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), obteve seu MBA pela FGV-Rio e especialização em Análise de Negócios pela Stanford University. Atua há 21 anos no mercado de geração de energia renovável e cogeração industrial. Depois de trabalhar nas emrpesas Koblitz, Areva Bioenergia, ERSA e CPFL Renováveis, atualmente é responsável pelo desenvolvimento do Projeto da URE Barueri, pelo acompanhamento dos projetos de geração de energia elétrica (biogás) e pelo suporte ao desenvolvimento de novas tecnologias relacionadas ao aproveitamento de plástico filme nos CTR´s da empresa Foxx-Haztec.

José Mauro Coelho Diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis, EPE, Brasília, DF, Brasil.

José Mauro Ferreira Coelho é graduado em Química Industrial, com Mestrado em Engenharia dos Materiais pelo Instituto Militar de Engenharia (IME) e Doutorado em Planejamento Energético pelo Programa de Planejamento Energético (PPE) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Funcionário de carreira da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), onde exerceu os cargos de Superintendente Adjunto de Petróleo, Superintendente Adjunto de Gás Natural e Biocombustíveis e Assessor na Diretoria de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis (DPG). Atualmente é o Diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis. Possui mais de vinte e cinco anos de experiência profissional, atuando nos setores de petróleo, gás natural e biocombustíveis. Atuou também, por vários anos, na área docente de graduação e pós-graduação, com três livros publicados e mais de trinta trabalhos científicos apresentados ou publicados em periódicos ou anais de congressos nacionais e internacionais. Possui como condecorações a Medalha Prêmio Correia Lima concedida pelo Exército Brasileiro, a Moção de Congratulação e Louvor da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, o Prêmio RENOVABIO: Plano Nacional de Biocombustíveis conferido pela DATAGRO e a Medalha Tiradentes outorgada pela Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ). Em 2017 e 2018 foi eleito uma das 100 pessoas mais influentes em Energia pelo Grupo Mídia.

Marcelo Augusto Boechat Morandi Chefe Geral - Embrapa Meio Ambiente

Engenheiro Agrônomo, Mestre e Doutor em Agronomia (Fitopatologia) pela Universidade Federal de Viçosa em programa sanduiche na University of Guelph (Canadá). Atuou como docente de Fitopatologia pela (UniRV-GO) e de Microbiologia Ambiental pela PUC-Campinas. Pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, lotado na Embrapa Meio Ambiente desde 2001. Atua em pesquisa e desenvolvimento na interface agricultura e meio ambiente, com experiência na área de fitosanidade e métricas de sustentabilidade. Coordenou o Comitê Gestor (CGPort) do Portfólio de projetos Manejo Racional de Agrotóxicos da Embrapa e o Grupo de Trabalho em Controle Biológico do Comitê de Sanidade Vegetal do Cone Sul (COSAVE). É membro do Comitê Técnico do RenovaBio (Política Nacional de Biocombustíveis). Como gestor, ocupou cargos de Chefe-Adjunto de Comunicação e Negócios (2010/2011), Chefe-Adjunto de Transferência de Tecnologia (2011/2012) e Chefe-Adjunto de Pesquisa e Desenvolvimento (2012/2015) na Embrapa Meio Ambiente. Desde dezembro de 2015 ocupa a Chefia Geral da Embrapa Meio Ambiente.

Marcio Felix Presidente do Conselho de Administração da PPSA (Pré Sal Petróleo) e da ES Gás, distribuidora de gás no Espírito Santo

Engenheiro de petróleo com grande experiência, tanto no setor público como no privado. Ocupou posições técnicas e de liderança na Schlumberger, Petrobras, Secretaria de Desenvolvimento do Espírito Santo e no Ministério de Minas e Energia. Atualmente preside os Conselhos de Administração da PPSA (Pré Sal Petróleo) e da ES Gás, distribuidora de gás no Espírito Santo.

Maria João C. P. Rolim Advogada, Economista e PhD Energia e Sustentabilidade CEPMLP Dundee, Sócia da Rolim, Viotti & Leite Campos Advogados, São Paulo, SP, Brasil

Advogada e Economista. Atua na área de Direito da Energia há mais de 20 anos, sendo reconhecida por sua expertise em questões regulatórias da área e de energias renováveis. Sócia da área de energia do escritório Rolim, Viotti e Leite Campos Advogados e Presidente da Comissão Especial de Direito da Energia da OAB/SP e da Comissão de Direito da Regulação Econômica da OAB/Minas. PhD em Direito da Energia e Sustentabilidade pelo Centre for Energy, Petroleum, and Mineral Law and Policy (CEPMLP) na Universidade de Dundee/Escócia; LLM em Direito Europeu pela London School of Economics (LSE) e Mestre em Direito Econômico pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Professora do curso de Regulação do Setor Elétrico da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e do curso de Pós Graduação em Direito da Energia do Centro de Estudos em Direito e Negócios (CEDIN). Membro da International Bar Association (IBA); do Instituto Brasileiro de Estudos das Relações de Concorrência e de Consumo (IBRAC); do Instituto Brasileiro de Direito da Energia (IBDE) e da Câmara da Indústria de Energia do Sistema da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG).

Mario Campos Filho Presidente, SIAMIG, Belo Horizonte, Brasil.

Mário Ferreira Campos Filho é economista formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com MBA em Finanças pelo IBMEC e Relações Governamentais pela FGV de Brasília. Entrou na Associação das Indústrias Sucroenergéticas de Minas Gerais – SIAMIG – em 2003, assumindo a função de Superintendente, Secretário Executivo e em 2014 foi eleito presidente da SIAMIG e do Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Minas Gerais, reeleito em 2017 por um período de mais três anos. Mário Campos representa os 33 Associados da SIAMIG, produtores de açúcar e energia renovável, como o etanol e a bioeletricidade. Um dos maiores destaques da sua gestão foi o trabalho realizado para a redução do ICMS do etanol hidratado em Minas Gerais, de 19% para 14%, atualmente em 16%, possibilitando a ampliação do consumo do combustível limpo e renovável no estado. O setor em Minas Gerais trabalha com avançados processos tecnológicos e sustentáveis, o que já lhe rendeu o “Prêmio de Sustentabilidade 2015” da Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA) e “Melhor Parceiro Ambiental” junto ao Prêmio Hugo Werneck de Amor à Natureza, do Grupo Ecológico, principal premiação ambiental do país, em 2016. Em 2015, Mário Campos recebeu também o troféu de Líder do Ano, no Prêmio MasterCana Centro-Sul, principal premiação do setor sucroenergético nacional, e a Ordem do Mérito Legislativo da Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Participa de todos os fóruns de discussão do setor como do Fórum Nacional Sucroenergético e faz parte das Câmaras Setoriais do Açúcar, do Álcool e de Logística do Ministério da Agricultura e Abastecimento. Mário Campos também é presidente do Conselho Empresarial de Meio Ambiente e de Desenvolvimento Sustentável da Federação das Indústrias de Minas Gerais (CEMA) e vice-presidente do Centro Industrial e Empresarial de Minas Gerais (CIEMG). Além de membro do Conselho Temático da Agroindústria e do Meio Ambiente da Confederação Nacional da Indústria (CNI) - COAGRO / COEMA.

Melina Uchida Gerente de Novos Negócios, Ecometano, São Pedro da Aldeia, RJ, Brasil.

Formada em Engenharia Ambiental pela Universidade Federal de Itajubá, Melina Uchida atua há mais de 11 anos no mercado de geração de energia renovável a partir de biogás, tendo passado pelas áreas de autorizações, créditos de carbono, operações, gestão de contratos e desenvolvimento de negócios, no Ambiente de Contratação Livre e na Geração Distribuída. Atualmente é responsável pelo desenvolvimento de novos negócios na Ecometano, empresa de abrangência nacional especializada na produção e comercialização de biometano, com duas plantas de produção de biometano em aterro sanitário em operação, em São Pedro da Aldeia – RJ e em Caucaia - CE.

Mercedes Blázquez Líder do Low Carbon Business Action no Brasil

Mercedes Blázquez é expert em estratégias de Trade, com experiência em agências e instituições espanholas de promoção e suporte ao Trade, assim como em projetos de organizações internacionais e da União Europeia, para os quais atua profissionalmente há mais de 16 anos. É facilitadora de negócios para pequenas e médias empresas e consultora de marketing de acesso a mercados. Possui experiência no apoio ao processo de internacionalização de empresas europeias no Brasil, sendo uma das maiores especialistas internacionais nesse mercado, devido a sua experiência também no MERCOSUL. No Brasil, já identificou parcerias para mais de 2.500 companhias europeias promovendo o trabalho conjunto com mais de 9.000 empresas latino-americanas. Atualmente, trabalha como líder do Low Carbon Business Action Brazil, projeto financiado pela União Europeia que promove o intercâmbio entre pequenas e médias empresas brasileiras e europeias no desenvolvimento de soluções inovadoras na economia de baixo carbono.

Miguel Ivan Lacerda de Oliveira Diretor, Departamento de Combustíveis Renováveis (DCR), Ministério de Minas e Energia, Brasília, Brasil.

Economista com mestrado em Agronegócio pela Universidade Federal de Goiás. Foi Gerente do Sebrae, Diretor de Programas de Desenvolvimento Regional, Secretário Nacional de Irrigação, Assessor Internacional do Ministro no Ministério da Integração Nacional, Chefe de Planejamento Estratégico do Metro DF. É analista classe A da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária na Secretaria de Negócios e, atualmente, é Diretor de Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia desde novembro de 2016. Acredita que os biocombustíveis se apresentam par ao Brasil e para o Mundo como uma Política Estratégica de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental.

Newton Duarte Presidente, COGEN, Brasil

40 anos de experiência no setor elétrico, dedicados às empresas Siemens e General Electric. Engenheiro Eletricista formado na Escola Politécnica da USP – Universidade de São Paulo. Em 1997 participou do curso de Gerenciamento Internacional no Babson College, em Boston, EUA. De 1981 a 1982 participou num programa de informação na Siemens AG nas áreas de distribuição e geração hidrelétrica. De volta ao Brasil liderou até 1991 os grandes projetos hidrelétricos da Siemens. Posteriormente desenvolveu os negócios das áreas de distribuição, proteção e automação de sistemas elétricos. De volta ao mundo das hidrelétricas em 1995, atuou como gerente geral de vendas na América do Sul. Entre os anos de 1997 e 2002, como Gerente Geral liderou a divisão da GE de Sistemas Industriais, nas Américas Central e do Sul. De volta a Siemens do Brasil em 2002, assumiu o Setor de Energia e Transportes, e posteriormente o de Óleo & Gás, até o ano de 2012. Presidente Executivo da COGEN – Associação da Indústria de Cogeração de Energia. Diretor de GTD e Tesoureiro Chefe da ABINEE – Associação Brasileira da Indústria Eletroeletrônica. Diretor do COINFRA – Conselho de Infraestrutura da CNI – Confederação Nacional da Indústria. Diretor de Infraestrutura da FIESP – Federação das Indústrias de São Paulo e Diretor de Energia do CIESP – Centro das Indústrias do Estado de São Paulo. Membro do Conselho Curador da ABRALE – Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia. Membro do Conselho da VDI – Associação de Engenheiros Brasil - Alemanha.

Renata Beckert Isfer Secretária de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia - MME

Renata é Secretária de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis Interina do Ministério de Minas e Energia. Foi Chefe da Consultoria Jurídica da mesma Pasta Ministerial de 2016 a 2018. Possui experiência de 11 anos na Advocacia-Geral da União como Procuradora Federal. É mestranda na área de Direito, Políticas Públicas e Desenvolvimento Econômico na Uniceub e tem especialização em Direito Tributário pela Unicuritiba. Participou do Programa de Formação de Executivos chamado “Women and Power”, pela Harvard Kennedy School.

Renato Perlingeiro Salles Junior Coordenador Nacional do Programa Sebrae Conexões Corporativas

Renato Perlingeiro Salles Junior, profissional com formação na área de tecnologia, economista, atualmente é Head em Encadeamento Produtivo, estratégia do Sebrae de conexão entre grandes e pequenas empresas. Além disso, é especialista em gerenciamento de projetos e palestrante sobre temas relacionados à empreendedorismo e negócios. Com 12 anos de experiência no gerenciamento de projetos, consultoria em negócios e inovação, parcerias e projetos com grandes empresas da indústria, comércio, serviços e agronegócios em todo o país.

Rivaldo Moreira Neto Diretor Executivo, Gas Energy, Rio de Janeiro, RJ, Brasil.

É graduado em Economia pela Universidade de Brasília (2010), com MBA em Finanças pelo Ibmec (2014) e participação em diversos cursos e seminários do setor elétrico e de Óleo & Gás. Possui larga experiência no universo regulatório e de relações institucionais nos anos em que trabalhou para diferentes instituições na capital federal. Sua carreira no setor de energia começa na Coordenação de Energia da Secretaria de Acompanhamento Econômico (Seae) do Ministério da Fazenda, entre os anos de 2010 e 2011. No ano seguinte, fez parte da área técnica da associação setorial que representa os comercializadores de energia (Abraceel), aqui com grande interação com toda a cadeia de agentes econômicos do setor elétrico e autoridades regulatórias. Sua última experiência em Brasília foi na Abrace, associação que representa e defende boa parte do PIB industrial brasileiro, com intensa participação em revisões tarifárias estaduais e apresentação em audiências públicas de reguladores estaduais, ANP e Aneel. Desde março de 2015, lidera a equipe de analistas da Gas Energy, com gerência e participação intensa em todos os projetos contratados junto à consultoria, que se especializou em assessorar clientes na busca por soluções estratégicas na produção e comercialização ou consumo de gás natural, além de processos de due dilligence em ativos do Midstream e Downstream da cadeia do setor a partir do programa de desinvestimentos da Petrobras.

Rodrigo Regis Diretor-Presidente, CIBiogás, Paraná, Brasil.

Engenheiro Eletricista, Especialista em Inovação Empresarial pela Universidade Politécnica de Valência-Espanha e Mestre em Engenharia de Sistemas, pela Universidade Estadual do Pernambuco. Doutorando em Desenvolvimento Regional e Agronegócio pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste). Conselheiro da Associação Brasileira do Biogás, Membro da Força Tarefa de Bioenergia da Agência Internacional de Energia. Atuou na NCTI (Negócios de Tecnologia e Inovação), como Diretor de Pesquisa e Desenvolvimento e na EcoEnergia Brasil. Trabalhou também na área de Pesquisa & Desenvolvimento da Fundação Parque Tecnológico Itaipu – FPTI.

Rui Guilherme Altieri Silva Presidente do Conselho de Administração, Câmara de Comercialização de Energia Elétrica - CCEE, São Paulo, SP, Brasil

Com formação em Engenharia Elétrica e experiência de mais de 35 anos no setor elétrico, Rui Altieri é presidente do Conselho de Administração da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE. Antes de assumir o cargo na instituição, atuou na Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel como superintendente de Regulação Econômica e Estudos do Mercado e superintendente de Regulação dos Serviços de Geração. Altieri também desempenhou diversos cargos de gestão por mais de 20 anos na Celpa, estando a frente da regional de Tucuruí e do departamento de Operação do Sistema Elétrico.

Sandoval de Araújo Feitosa Neto Diretor, Agência Nacional de Energia Elétrica -ANEEL, Brasília, Brasil.

É Diretor da ANEEL desde maio de 2018. Aprovado em concurso de provas e títulos, é servidor de carreira de Especialista em Regulação da Agência. No período de 2005 a 2014 atuou na área de fiscalização da Agência, realizando auditorias técnicas em concessionárias de distribuição e transmissão de energia elétrica na Superintendência de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade. Em 2014 assumiu o cargo de Assessor da Diretoria da ANEEL e, no final de maio de 2015, foi nomeado para o cargo de Superintendente de Regulação dos Serviços de Transmissão e, posteriormente, em 2017, retornou à Superintendência de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade na função de Superintendente. Possui graduação em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Maranhão (2002),Mestrado em Engenharia Elétrica pela UnB (2009) e MBA em Gestão Empresarial com ênfase em Estratégia pela Fundação Getúlio Vargas (2017). Na Universidade da Flórida, concluiu o Program on Utility Regulation and Strategy, ministrado na Warrington College of Business. Antes de trabalhar na ANEEL, teve experiências em empresas de distribuição e transmissão de energia. Na Companhia Energética do Maranhão (Cemar), de 2001 a 2003, atuou na gerência técnica dos processos de manutenção e operação do sistema de distribuição. Na Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), de 2003 a 2005, trabalhou na coordenação de equipes técnicas de manutenção. No cargo de Diretor da ANEEL, representa a Agência na Associação Brasileira das Agências de Regulação – ABAR no cargo de Diretor para o período de 2018-2020.Tem especial interesse nas discussões acerca da modernização do setor elétrico brasileiro, transição energética, recursos energéticos distribuídos, e análise dos impactos socioambientais da eletricidade na transformação e melhoria da vida das pessoas.

Zilmar José de Souza Gerente em Bioeletricidade, Unica, São Paulo, SP, Brasil.

Atualmente é gerente em bioeletricidade da UNICA - União da Indústria de Cana de Açúcar e professor de cursos de MBA e do Mestrado Profissional em Agronegócio pela FGV e FIA-SP. Formado em Economia pela FEARP-USP, possui mestrado em Economia pela ESALQ-USP, doutorado em Engenharia de Produção pela UFSCar, e pós-doutorado em Economia pela FGV-SP. Tem experiência profissional em empresas como Banco Itaú, CPFL, Energias do Brasil, e no governo do Estado de São Paulo (Agência Reguladora de Saneamento e Energia). Também foi professor nas Universidades Mackenzie e UNESP – Jaboticabal.

Registre-se Agora

INSCRIÇÕES COM DESCONTO:

• Associados Abiogás: inscrição gratuita para até 2 participantes da empresa. Inscrições para os demais participantes no valor de R$245,00

• Estudante: inscrição no valor de R$245,00, mediante aprovação. Envie cópia do comprovante de matricula ou da Carteira de Estudante para: secretaria@abiogas.org.br 

. Ingresso único: Inscrição no valor R$490,00.

Patrocinadores do Evento

Local do Evento

Auditório CENESP
Av. Maria Coelho Aguiar, 215 - Bloco G - Centro de Eventos
no Piso Panamby - Jardim São Luís - São Paulo - SP, 05804-900

Encontrar Direção

Contato

Para maiores informações, por favor,  envie uma mensagem para: secretaria@abiogas.org.br 

Patrocinadores do Evento

Como patrocinador do nosso evento, você terá a oportunidade de posicionar a sua empresa como uma apoiadora dos mais importantes debates sobre biogás. Para informações adicionais e preços, entre em contato conosco.